Formas de recuperar a lataria de seu carro

By on setembro 15, 2014
Cuide da lataria de seu carro.

Não existe coisa mais chata quando se está dirigindo e você se distrai ou perde a atenção por uma fração de segundo e o seu carro dá uma batidinha ou uma riscada, não é mesmo? Chega até a dar raiva e você se culpa pela falta de atenção.

O bom é que existe uma série de formas de você recuperar a lataria do seu carro. Separamos aqui algumas dicas de alternativas para você arrumar esse probleminha sem muita dor de cabeça e um gasto mais baixo.

Martelinho de ouro

Nem sempre vale a pena acionar o seguro quando se tem alguma batidinha com o carro. Os seguros trabalham com franquias que são altas, por isso ligar para a seguradora e abrir um sinistro para resolver um probleminha simples, pode não ser a escolha mais interessante.

Se a batida foi leve e não danificou a pintura do carro, um bom lugar para se procurar é o martelinho de ouro. Bem tradicional, esse tipo de serviço utiliza vários equipamentos que auxiliam na recuperação de pequenos estragos.

A vantagem desse serviço é que não danifica a pintura e mantém a originalidade do automóvel, além de ser mais barato e ser executado em menor tempo. As partes onde você consegue esse tipo de reparo são o capô, o para-choque, as portas e para-lamas.

Lanternagem

Se o estrago da batida foi grande e atingiu o metal, a lanternagem é a solução que você precisa. Quando esse tipo de acidente acontece, os funileiros recomendam que o reparo seja feito de forma rápida para evitar problemas de ferrugem ou corrosão.

Esse tipo de serviço é mais demorado e mais caro que o martelinho de ouro, pelo tipo de trabalho, que envolve o remendo feito com solda ou massa plástica. Por mais que seja uma alternativa, a massa plástica não é tão recomendada porque se solta com o tempo.

Micropintura

Se o estrago não é tão grande, só um arranhãozinho na pintura, você pode optar pelo serviço de micropintura. Aqui, se utiliza uma pistola que aplica uma camada fina de tinta na funilaria do automóvel para esconder o arranhão. No entanto, esse tipo de serviço não é indicado para carros com tons mais escuros, já que fica fácil de perceber a diferença entre as tintas.

Pintura convencional

Com um estrago maior, o indicado é refazer a pintura, por completo, do veículo. Esse tipo de serviço é bem demorado, mas o resultado final é muito superior que a micropintura e não corre o risco de deixar o veículo com tons diferentes. Aqui, o serviço envolve lixar, pintar, polir e envernizar toda a funilaria avariada.

Esse serviço é indicado para pequenos arranhões.

Outras dicas

Se você é daqueles que não faz a manutenção do carro, mude a sua cabeça: vale mais a pena fazer uma manutenção periódica do que o reparo, quando o problema já é bem maior. Por exemplo, se você tem uma batidinha ou um arranhãozinho no carro, tente resolver isso antes que aumente ou comece a enferrujar.

Na hora de comprar um carro, para evitar esse tipo de transtorno, procure escolher pinturas metálicas ou perolizadas. Elas ajudam a refletir a luz do sol e, diferentemente das cores sólidas, não desbotam.

Uma outra coisa que vale a pena investir quando se comprou um carro são nas proteções de plástico das laterais, que ajuda a evitar alguns tipos de riscos ou acidentes.

Também, vale a pena prestar atenção quando estiver dirigindo: evite estacionar embaixo de árvores ou em lugares com muita movimentação de pessoas e outros veículos de duas rodas, como bicicletas e motos. Além disso, quando o tempo estiver fechando e começar a chover granizo, busque abrigo imediatamente em um lugar bem protegido para evitar o amassado das pedras.

Agora, se o risco for bem discreto, uma dica é a Caneta para Retoque de Riscos Western. Além de você não gastar um bom dinheiro no funileiro, você consegue resolver esse problema, pessoalmente, na sua própria casa. Esse produto acaba preenchendo de forma permanente os ricos ou arranhões, deixando a pintura como nova.

 

 

About Loja Magazine10

You must be logged in to post a comment Login