Hiperidrose na adolescência – Como lidar com esse dilema?

By on novembro 30, 2016
Hiperidrose na adolescência - Dicas eficientes

Lidar como suor excessivo não é uma tarefa das mais fáceis. Na verdade, a maioria das pessoas nem fazem ideia do que pode ser feito para resolver esse problema que incomoda tanto. Agora, imagine um adolescente ter que lidar com essa condição. Com certeza, não é nada fácil, afinal, a nossa adolescência é o que nos molda para fase a adulta, e um problema como esses pode afetar diretamente o psicológico de muitos, sendo um grande empecilho para o desenvolvimento natural de cada um.

Para quem não sabe, a hiperidrose (transpiração excessiva) em si não causa problemas a saúde, porém, ela está completamente ligada a saúde emocional, que pode ser abalada em meio a todo o constrangimento e situações nada agradáveis que esse problema obriga as pessoas a passarem. Acredite, existem pessoas que sentem-se receosas de dar um simples aperto de mão. E esse medo é compreensível, tendo em vista que a maioria das pessoas ao nosso redor são ‘ignorantes’ e acabam associando essa condição com nervosismo, e até falta de limpeza. Mas, você sabe o que causa a transpiração excessiva, principalmente em adolescentes?

Transpiração excessiva na adolescência – Como lidar?

A adolescência é uma fase em que nosso corpo passa por diversas transformações. Tanto em homens quanto em mulheres, essas transformações acontecem de forma interna e externa, se tornando visíveis com o passar do tempo. Como você já deve imaginar, essas transformações são originadas através do trabalho dos hormônios que estão no nosso corpo. Sendo assim, o processo de desenvolvimento pessoal de cada adolescente (em nível individual) pode sim impactar no trabalho nas glândulas sudoríparas, fazendo com que possa acontecer ou o excesso de transpiração ou a diminuição excessiva da mesma condição.

Mas, nos casos onde a hiperidrose é presente, existe algum tratamento que pode ser feito pra amenizar ou até dar um fim a esse desagradável problema? Vejamos!

Solução 1 – Uso de antitranspirantes

Eu sei que você muito provavelmente já deve ter experimentado uma boa variedade de antitranspirantes das mais variadas marcas, mas, você talvez não saiba que existe um antitranspirante específico para tratar esse tipo de condição. Que é o caso do SUVO. Esse fantástico produto costuma ser a solução certeira para a grande maioria dos casos de hiperidrose na adolescência. Na verdade, o produto está disponível em duas versões: SUVO Roll-on, que serve para axilas e o SUVO Loção Creme, que serve para os pés e mãos.

Solução 2 – Uso de remédios (sob prescrição)

Caso a primeira solução não resolva, que é o que acontece em casos extraordinários, recomenda-se a procura de um profissional qualificado que possa fazer todo o diagnóstico da sua condição e te receitar os melhores remédios para começar a tratar esse problema. Seu médico muito provavelmente receitará remédios que deverão ser tomados em horários específicos, portanto, nesse caso em especial, tente ao máximo seguir esses horários. Além disso, você pode combinar essa técnica com a anterior e ter resultados cada vez mais eficientes e rápidos.

Solução 3 – Aplicação botulínica

Caso nenhuma das soluções anteriores resolva, você ainda pode optar por tratamentos mais específicos ainda, como é o caso do uso do Botox para tratar o mesmo. Sendo assim, é muito importante aplicar todos os métodos possíveis antes deste, afinal, ele acaba sendo um métodos mais caro e perigosos (dependendo de onde e com quem você irá executar). Sendo assim, antes de qualquer coisa, consulte seu médico e faça todos os exames e procedimentos necessários para não errar na hora de fazer esse tipo de tratamento.

Se gostou desse artigo, não deixe de compartilhar essas dicas com seus amigos através do Facebook. Atá a próxima!

About Magazine10

Somos uma empresa focada na venda de produtos cosméticos e utilidades para o lar. Por meio desse blog, trazemos as melhores dicas que possuem referencia com nossos produtos e saúde de nossos consumidores!

You must be logged in to post a comment Login